O mercado fecha em:

Top 5 por Posição: Cartola FC 2020, Rodada 2

Toda rodada iremos indicar os top 5 jogadores por posição visando pontuação no Cartola FC!

Postado em: 11 de agosto de 2020
Atualização: 14 de agosto de 2020
Tempo de leitura: 8 minutos

Salve, Cartoleiro(a) Mix!

Para quem não nos conhece, somos a Gabi e Jeh e escrevemos para o Cartola Fc Mix há 8 anos através do Donas do Cartola!

Na primeira rodada indicamos bons nomes Vanderlei, Diego Alves, Pedro Geromel, Moisés, Éverton Ribeiro, Thiago Galhardo, Marinho, Diego Souza e Cléber.

Vamos para o top 5 da 2ª rodada do Cartola FC e do nosso Brasileirão!

O QUE É O TOP 5 POR POSIÇÃO?


O “Top 5 por Posição” nada mais é que uma expansão do nosso quadro cujo o nome é o mesmo, no youtube! Aqui, vamos citar as melhores opções por posição no nosso ponto de vista!

Sem mais delongas, corre pro youtube, se inscreve no canal e acompanhe também as dicas por aqui!


TOP 5 JOGADORES POR POSIÇÃO


GOLEIROS

1º lugar: Santos (Athlético PR) O Athlético PR recebe em seus domínios o Goiás. Em razão de grande parte do time ter testado positivo para o Covid 19, o time esmeraldino entrará em campo com cerca de 8 reservas. O Athlético PR conquistou 3 pontos ao vencer o Fortaleza fora de casa e também garantiu o SG na primeira rodada e contra os reservas do Goiás não deve ser diferente. O goleiro do Furacão precisa fazer 5,70 pontos para valorizar.

2º lugar: Vanderlei (Grêmio) É uma boa opção visando valorização, já que a regra da valorização é parecida com a da primeira rodada… a regra é simples: escale jogadores baratos que ainda não fizeram o primeiro jogo, ou jogadores que foram bem na primeira rodada. O Vanderlei foi um desses jogadores e pode até negativar (-1,50) que ainda assim vai valorizar! Douglas Friedrich (Bahia) – Entra como opção para valorização já que faz o seu primeiro jogo e também com oportunidade de manter SG já que o Coritiba possui um ataque um tanto quanto ineficiente.

3º lugar: Diego Alves (Flamengo) Foi o único goleiro da primeira rodada que somou mais de uma defesa difícil. O goleiro do Flamengo precisa fazer apenas 3,40 pontos para valorizar.Não é uma opção barata, mas levando em conta a superioridade do time do Flamengo frente ao Atlético-GO, é uma boa opção.

4º lugar: Tiago Volpi (São Paulo) – O São Paulo, que teve o jogo adiado na primeira rodada, recebe no Morumbi o instável Fortaleza e o goleiro tem a chance de sair com o SG. Não é uma boa opção visando valorização, mas sim pontuação!

5º lugar: Rafael (Atlético MG) – O Atlético MG começou o campeonato da melhor forma possível, vencendo no Maracanã o atual campeão brasileiro. Desde o retorno dos jogos, o time mineiro só tomou um gol como mandante. Além disso, o Corinthians é um time que apresenta muitas dificuldades para fazer gols e costuma exigir bastante os goleiros. O goleiro precisa fazer apenas 0,40 pontos para valorizar.

LATERAIS

1º lugar: Saravia (Internacional) Melhor lateral da primeira rodada com 8 desarmes e mais de 11 pontos. O jogador argentino só precisa de -2,5 pontos para valorizar, ou seja, só não pode negativar muito. O confronto do Inter não é fácil, mas será uma boa chance do lateral aparecer bem novamente com os desarmes.

2º lugar: Moisés (Internacional) – Não decepcionou na primeira rodada e segue sendo uma boa opção visando valorização e não possui um custo muito alto. Se negativar apenas -1,20 já valoriza!

3º lugar: Aderlan (Bragantino) – Outro bom nome. Teve 9 desarmes na primeira rodada e enfrenta um Botafogo que fora de casa esse ano fez poucos gols! O lateral precisa de apenas -1,5 para valorizar, sendo portanto uma ótima opção para SG e valorização.

4º lugar: Abner (Athlético PR) – Mais uma ótima opção para valorizar e pontuar. Em 2019  deu 7 assistências no ano e chega muito bem no ataque, sendo bastante participativo.

5º lugar: Rafinha (Flamengo): Na primeira rodada teve 3 desarmes e sofreu 5 faltas. O Flamengo é favorito e tem grandes chances de manter o SG mesmo jogando fora de casa. Rafinha é uma ótima opção, já que o time carioca buscará de toda forma a vitória uma vez que perdeu logo no início do campeonato.

ZAGUEIROS

1º lugar: Pedro Geromel (Grêmio) – Tem a oportunidade de manter o SG e precisa apenas de -0,60 pontos para valorizar. Não decepcionou rodada passada com 5 desarmes e tem tudo para fazer uma boa pontuação novamente. Réver (Atlético-MG) – O xerife retorna ao seu posto contra um Corinthians que não costuma fazer muitos gols fora de casa. Além disso, o Galo só tomou 1 gol pós parada.

2º lugar: Victor Cuesta (Internacional) – Não foi muito bem rodada passada, mas acredito que o Santos cederá mais desarmes que o Coritiba. Precisa de pouco ponto para valorizar e pode manter o SG já que a zaga do Internacional não é ruim.

3º lugar: Júnior Alonso (Atlético MG) – É o zagueiro que mais joga no time de Sampaoli, além de ser bom na bola aérea. Na época do Boca fazia gols de cabeça e além disso pode ter SG contra o ataque do Corinthians que não é dos melhores. Precisa de apenas 0,20 para valorizar.

4º lugar: Aguilar (Athlético PR) – Está barato e tem ótima chance de SG contra o desfalcado Goiás. O jogador só precisa apenas de 2,5 pontos para valorizar.

5º lugar: Léo Pereira (Flamengo) – Apesar de ir mal no primeiro jogo, tem tudo para voltar a pontuar como na época do CAP. O Flamengo deve ter SG contra o Atlético-GO e o jogador só precisa de 2 pontos para valorizar, além de custar barato C$4,64. Rodrigo Caio (Flamengo) – Deve mandar o SG contra o Dragão… Talvez não seja uma boa opção para valorização, mas pode se destacar com pontuação.

MEIAS

1º lugar: Léo Cittadini (Athlético PR) – Mais um jogador que enfrenta o temido Goiás do corona vírus que contará com 8 reservas. O jogador apesar de estar custando um pouco acima do preço convencional, precisa de -0,80 pontos para valorizar. Ou seja, qualquer pontuação mínima, já valoriza. Vale lembrar que jogo passado fora de casa deixou o seu gol.

2º lugar: Thiago Galhardo (Internacional) – Custando C$10,07 é uma boa opção visando valorização pois precisa de pouco para valorizar e enfrenta em casa o Santos que não vem de uma boa fase defensiva. Rodada passada deu assistência e vem jogando mais adiantado.

3º lugar: Éverton Ribeiro (Flamengo) – Rodada passada fez 4,50 pontos sem nenhum dos scouts principais (gols e assistências) e se torna uma boa opção uma vez que precisa apenas de -0,10 para valorizar.

4º lugar: Gabriel Menino (Palmeiras) – Mais uma jóia do Palmeiras que entra como opção de valorização, já que precisa apenas de 2,40 pontos para valorizar. O Fluminense é um time instável e que deve ceder scouts para o Palmeiras.

5º lugar: Marquinhos Gabriel (Athlético PR) – O Athlético enfrenta o Goiás desfalcado e Marquinhos Gabriel é o líder de assistências do time.

ATACANTES

1º lugar: Gabriel (Flamengo) Domingo no Maracanã não teve gol do Gabigol, mas diante do Atlético GO o grande artilheiro do Brasileirão 2019 ele tem tudo pra não passar em branco. Mesmo sendo fora de casa, o time do Flamengo é muito superior ao time goiano e Gabriel tem faro de gol e tem tudo pra mitar.

2º lugar: Vinicius Mingotti (Athlético-PR) – Está substituindo o artilheiro Bissoli e tem grande chance de aparecer bem contra o desfalcado Goiás.

3º lugar: Diego Souza (Grêmio) – É uma boa opção visando valorização e pontuação. O atacante do Grêmio precisa de -0,70 para valorizar e vem fazendo muitos gols pelo tricolor gaúcho. Pablo (São Paulo) – A real é que o Pablo não deveria ter ficado de fora, mas aqui está ele. Boa opção levando em consideração o fato de ser o melhor jogador do tricolor paulista pós parada. Além disso, enfrenta o Fortaleza que tomou 2 gols do time misto do Athlético-PR. Acredito em boa atuação do atacante!

4º lugar: Savarino (Atlético-MG) – Opção barata, custando apenas C$5,07 cartoletas e é um jogador muito promissor. É bastante participativo, rápido no ataque e por marcar bem a saída de bola do adversário, pode vir a desarmar bastante.

5º lugar: Germán Cano (Vasco) – É um bom nome pra rodada por enfrentar o Sport que mesmo tendo vencido o último jogo contra o Ceará, tem o pior aproveitamento do ano dentre os times da série A. Sendo assim, em razão da fragilidade da defesa do rubro negro pernambucano acredito que seja boa opção.

TÉCNICOS

1º lugar: Dorival Júnior (Athlético PR) – Sem 7 titulares, não tomou conhecimento e venceu com facilidade o Fortaleza bem comandado de Rogério Ceni. Sem perder para o Goiás desde 2007 em casa (7 vitórias, 1 empate e 6 SG), a tendência é que o Furacão some mais 3 pontos;

2º lugar: Felipe Conceição (Bragantino) – O time de Bragança apresenta vários jogadores com potencial de valorizar e pontuar. Se o goleiro não entregar mais um gol, acredito que vencerá o Botafogo.

3º lugar: Domènec Torrent (Flamengo) – Ok, vamos perdoar o time completamente desmantelado no esquema 4-1-5 tentando empatar o jogo nos últimos minutos. O ex auxiliar do Guardiola terá uma chance de ouro para vencer um adversário teoricamente mais fraco e colocar o Flamengo nas primeiras colocações do campeonato;

4º lugar: Ramon Menezes (Vasco) – Mais uma sugestão baratinha custando apenas 7 cartoletas. O Vasco teve tempo de sobra para treinar e arrumar o time. Agora, e aproveitar a oportunidade de enfrentar um adversário limitado tecnicamente e começar o Brasileirão com pé direito;

5º lugar: Eduardo Coudet (Internacional) – O Internacional é o mandante que menos sofreu gols no 1º semestre: garantiu 7 SG em 10 partidas. Além disso, nos últimos 6 jogos contra o Santos no Beira-Rio, o colorado venceu 4 e manteve 4 SGs.


E é isso, pessoal… Até a próxima rodada!

25 anos, pós graduada em Direito, sócio torcedora fanática pelo Cruzeiro e mineira, uai. Comandante do Jehnial FC, defende a ideologia de que lugar de mulher é onde ela quiser, inclusive jogando Cartola! Afirma que sabe muito bem o que é impedimento, ok?