O mercado fecha em:

Top 5 Por Posição: Cartola Fc 2020, Rodada 14

Toda rodada, iremos indicar os top 5 jogadores por posição visando pontuação no Cartola FC!

Postado em: 6 de outubro de 2020
Atualização: 7 de outubro de 2020
Tempo de leitura: 7 minutos

Salve, cartoleiro (a) Mix!

Para quem não nos conhece, somos a Gabi e Jeh e escrevemos para o Cartola Fc Mix há 8 anos através do Donas do Cartola e estamos aqui para indicar os 5 melhores nomes de cada posição para a rodada!

Na 13ª rodada conseguimos indicar bons nomes como  Guilherme Arana (Atlético MG),  Guga (Atlético MG), Viña (Palmeiras), Victor Luis (Botafogo), Natan (Flamengo), Thiago Galhardo (Internacional), Nathan (Atlético MG), Pedro (Flamengo), Marinho (Santos), Keno (Atlético-MG),  Vanderlei Luxemburgo (Palmeiras) e Jorge Sampaoli (Atlético MG). 

Vamos para o top 5 da 14ª rodada do Cartola FC e do nosso Brasileirão!


O QUE É O TOP 5 POR POSIÇÃO?


O “Top 5 por Posição” nada mais é que uma expansão do nosso quadro cujo o nome é o mesmo, no youtube! Aqui, vamos citar as melhores opções por posição no nosso ponto de vista!

Sem mais delongas, corre pro youtube, se inscreve no canal e acompanhe também as dicas por aqui!


TOP 5 JOGADORES POR POSIÇÃO


GOLEIROS

Fernando Miguel (Vasco) – O Bahia vem cedendo muitos pontos para os goleiros adversários quando joga como mandante. A média é de mais de 07 pontos cedidos nos últimos 05 jogos. É importante frisar também que nas últimas 05 partidas, nenhum goleiro negativou ao enfrentar o Bahia. O goleiro do Vasco é um bom nome visando defesas difíceis e também valorização.

Vanderlei (Grêmio) – O goleiro do tricolor gaúcho enfrenta o Coritiba, dono do pior ataque da competição até o momento, com apenas 09 gols. É um bom nome visando um possível SG.

Jailson (Palmeiras) – O goleiro reserva do Palmeiras é um bom nome para a rodada. Isso porque além da dificuldade ofensiva do adversário, que não faz muitos gols, o Botafogo cedeu em média 5,73 pontos nos últimos 10 jogos (considerando mando de campo).

João Paulo (Santos) – Decepcionou milhares de cartoleiros (as) na última rodada, mas é uma boa opção visando valorização. Além disso, o Corinthians como mandante costuma ceder em média 3,25 pontos para os goleiros adversários.

Jandrei (Athlético PR) – O adversário do Furacão é o Ceará, que cedeu 4,12 pontos como visitante considerando os últimos 10 jogos. É um bom nome visando DD’s.

ZAGUEIROS

David Braz (Grêmio) – Enfrenta o pior ataque do campeonato. O Coritiba cedeu em média fora de casa quase 5 pontos os zagueiros, já que foi o time que mais proporcionou SG (7 até o momento).

Natan (Flamengo) – Rodada passada deu uma assistência meio que “sem querer” mas na tentativa de finalizar ao gol, o que é importante, já que Natan tem um bom preço e pode quem sabe garantir o SG.

Pedro Henrique (Athletico-PR) – O Ceará cedeu 4 SG’s até o momento e o CAP, por sua vez, deu uma melhorada no seu futebol. Jogando em casa, pode ser que garanta o SG.

Luan (Palmeiras) – O jogador aparece bem ofensivamente e em uma rodada com poucas opções visando SG, temos que encontrar a solução em jogadores que podem se destacar sem o scout. Além disso, a defesa do Palmeiras é sólida, enquanto o ataque do Botafogo não vem tão bem.

Diego (São Paulo) – Após tomar uma bronca da direção, acredito que Fernando Diniz pra esse confronto dará uma “arrumada” na casinha. Diego é um zagueiro muito promissor, deixou seu gol contra o River pela Libertadores e pode quem sabe garantir o SG. Além disso, é uma boa opção visando valorização pelo seu baixo valor.

LATERAIS

Filípe Luis (Flamengo) – Boa opção visando SG e também aparece bem no quesito desarmes. Além disso, o lateral do Flamengo conta com um ótimo custo/benefício para a rodada e ainda é um bom nome visando valorização.

Reinaldo (São Paulo) – KINGnaldo é o batedor oficial de pênaltis e algumas faltas pelo tricolor paulista. E jogando em casa, quem sabe consiga manter o tão raro SG.

Diogo Barbosa (Grêmio) – O Grêmioenfrenta em seus domínios o pior ataque do campeonato e com isso tem uma boa possibilidade de manter o SG. O Coxa cedeu em média 3,02 pontos para os laterais adversários jogando fora de casa, além disso, o scout que o time do Paraná mais cedeu foi exatamente o SG (7 até o momento).

Abner Vinícius (Athletico PR) – É uma opção ofensiva, que pode pontuar bem com gols e assistências. O lateral do Furacão tem 1 gol e 1 assistência até o momento na competição. O jogador possui uma média de mais de 4 pontos jogando na Arena da Baixada e é um nome para a rodada, principalmente porque o Ceará cede pontos para laterais.

Guilherme Arana (Atlético MG) – No esquema do Sampaoli, Arana em certos momentos do jogo atua como “ponta ofensivo” e com isso, a possibilidade do mesmo criar ou até mesmo passar pelos seus pés gols e assistências é grande. Em razão da fragilidade defensiva do time mineiro, que leva muitos gols, não o vejo como um bom nome visando SG.

MEIAS

Thiago Galhardo (Internacional) – Precisa justificar? Além do RB Bragantino ter tomado gol em quase todos os jogos (só não tomou em 2), Galhardo dispensa maiores comentários. 10 gols, 3 assistências em 12 jogos. Unanimidade da rodada!

Daniel Alves (São Paulo) – Vem sendo muito criticado pela torcida, porém, todo mundo sabe do seu potencial. Jogando em casa, acredito que seja sim boa opção. Cobrador de faltas e escanteios, ótima finalização e… adversário com goleiro reserva!

Nathan (Atlético-MG) – Mesmo fora de casa acredito que seja ótima opção para a rodada. O Atlético-MG tem um poder ofensivo IMENSO, além disso, a média do jogador é maior fora de casa do que em casa (quase 7 pontos fora de casa). O jogador também colabora com desarmes e até o momento conta com 2 gols e 1 assistência em 6 jogos.

Léo Cittadini (Athletico-PR) – Pode aparecer como boa opção pela fragilidade da defesa do Ceará que já tomou 20 gols até o momento.

Vinícius (Ceará) – Meu xodó. Com 4 gols e 2 assistências, o jogador é muito participativo e mesmo não sendo atacante, se tornou a chave principal do ataque do Ceará. Acredito que possa aparecer bem mesmo fora de casa onde tem média de mais de 5 pontos.

ATACANTES

Pedro (Flamengo) – O adversário do Flamengo é o Sport, que cede em média 3,3 pontos para atacantes. Pedro é goleador nato, excelente finalizador e um ótimo jogador de Cartola, já que é muito participativo e pontua bem mesmo sem gol. Com chances de balançar as redes então, é sem dúvidas uma unanimidade neste setor.

Keno (Atlético-MG) – Sem dúvidas o atacante do time mineiro está em uma fase iluminada. São 7 gols nos últimos 3 jogos e finalmente está desvalorizado, sendo assim, é uma boa opção também para ganhar cartoletas.

Pepê (Grêmio) – Bastante participativo no setor ofensivo do Grêmio, o atacante conta com 03 gols até o momento em 08 jogos, além de 01 assistência. Pepê também costuma pontuar bem mesmo sem os scouts principais, por exemplo: são 17 faltas sofridas e 12 desarmes.

Bruno Henrique (Flamengo) – Na rodada passada diante do Furacão balançou as redes, mas levou cartão amarelo e não foi muito bem. Mas aparece também nesta rodada como uma ótima opção, já que enfrenta o Sport que já tomou 14 gols até o momento.

Cano (Vasco) – O argentino é o artilheiro do Vasco na temporada e só precisa de uma chance para fazer um gol. O adversário é o Bahia, que em 2020 ainda não se encontrou e até o momento tomou 22 gols no Campeonato Brasileiro, sendo a pior defesa da competição até então.

TÉCNICOS

Renato Gaúcho (Grêmio) – Técnico do jogo chave da rodada. O Grêmio enfrenta o pior ataque do campeonato e precisa da vitória para tentar voltar a brigar pela parte de cima do campeonato.

Jorge Sampaoli (Atlético-MG) – Seu time não costuma garantir o SG, mas em compensação, tem um poder ofensivo esplêndido, com isso, Sampaoli se torna ótima opção para a rodada, mesmo fora de casa.

Domenéc Torrent (Flamengo) – Ao meu ver, melhor custo benefício da rodada. O técnico não é muito caro e o Flamengo costuma fazer muitos gols, com o fator casa, acredito que seja possível vencer sem sustos.

Vanderlei Luxemburgo (Palmeiras) – Enfrenta o vice-lanterna da competição e mesmo fora de casa, acredito em vitória do Palmeiras.

Fernando Diniz (São Paulo) – Ou vence, ou vence. O São Paulo vai contar com fator casa para decidir a permanência de Diniz que está na corda bamba. O técnico com certeza terá que modificar o time para vencer o Atlético-GO em casa ou deixar o cargo à disposição.


E é isso, pessoal… até a próxima rodada!

24 anos, coração goiano morando em Niterói-RJ. Comando o Schincariol EC e garanto: "eu não tenho culpa de ter cerveja até no sobrenome".

Dicas