O mercado fecha em:

Top 5 Por Posição: Cartola Fc 2020, Rodada 10

Toda rodada, iremos indicar os top 5 jogadores por posição visando pontuação no Cartola FC!

Postado em: 11 de setembro de 2020
Atualização: 12 de setembro de 2020
Tempo de leitura: 8 minutos

Salve, Cartoleiro(a) Mix!

Para quem não nos conhece, somos a Gabi e Jeh e escrevemos para o Cartola Fc Mix há 8 anos através do Donas do Cartola e estamos aqui para indicar os 5 melhores nomes de cada posição para a rodada!

Na 9ª rodada conseguimos indicar bons nomes como Saravia (Internacional), Thiago Galhardo (Internacional), Éverton Ribeiro (Flamengo), Marinho (Santos)Luciano (São Paulo)Cano (Vasco), Wellington Paulista (Fortaleza), Eduardo Coudet (Internacional), Rogério Ceni (Fortaleza) e Domènec Torrent (Flamengo).

Vamos para o top 5 da 10ª rodada do Cartola FC e do nosso Brasileirão!


O QUE É O TOP 5 POR POSIÇÃO?


O “Top 5 por Posição” nada mais é que uma expansão do nosso quadro cujo o nome é o mesmo, no youtube! Aqui, vamos citar as melhores opções por posição no nosso ponto de vista!

Sem mais delongas, corre pro youtube, se inscreve no canal e acompanhe também as dicas por aqui!


TOP 5 JOGADORES POR POSIÇÃO


GOLEIROS

João Paulo (Santos) – Que o goleiro vem sendo o novo mito do Cartola Fc, todos nós sabemos… Porém, merecidamente! Com média de mais de 8 pontos, João Paulo – que só obteve 2 SG’s na competição até o momento – é sempre ótima opção visando defesas difíceis. Por mais que a sua média em casa não seja tão alta (3,05), acredito que nesse caso em questão, por enfrentar um clássico, seja uma ótima opção.

Weverton (Palmeiras) – O Palmeiras enfrenta o Sport em casa, Sport este que cede em média 5,12 pontos para goleiros. Acredito em SG do time alviverde que vem animado após ganhar o clássico contra o Corinthians fora de casa.

Wilson (Coritiba) – O jogador tem média de 4,51 pontos e conta com 13 defesas difíceis e 1 defesa de pênalti. Fora de casa a sua média é de apenas 2,58, mas acredito ser boa opção levando em consideração o fato da partida se tratar de um clássico contra o seu maior rival.

Mateus Claus (Bahia) – Fez apenas 2 jogos até o momento, no qual não obteve o SG em nenhum, mas também não negativou. Fora de casa, contra o Internacional, garantiu 3,8 pontos com 2 defesas difíceis e 2 gols sofridos e em casa contra o Grêmio, obteve 4 defesas difíceis e sofreu 2 gols, somando assim, 12 pontos. O adversário do Bahia, Atlético-GO cede em média 3,33 pontos aos goleiros adversários.

Paulo Victor (Grêmio) – O Grêmio possui a melhor defesa do campeonato até o momento ao lado de seu maior rival Internacional. Paulo Victor nos dois jogos que fez não negativou e garantiu uma média de 6,85 pontos com 3 defesas difíceis.

LATERAIS

Guilherme Arana (Atlético-MG) – O jogador tem média de 5,03 pontos e em casa média de 5,6. Acredito que o Atlético-MG tenha sim a oportunidade de manter o SG frente do RB Bragantino que cede em média 3,19 pontos para os laterais. Arana vem muito bem até agora, com 14 desarmes, 4 finalizações defendiadas, 1 assistência, 6 finalizações para fora e 4 SG’s. Vale lembrar que com Sampaoli ele joga bem adiantado.

Guga (Atlético-MG) – Tem sido um exímio jogador de cartola. Até o momento tem 14 desarmes e aparece muito bem jogando em casa, onde sua média é de 7,67 pontos.

Nino Paraíba (Bahia) – Não é o exímio lateral dos anos anteriores, mas também não deixa de ser boa opção, ainda mais levando em consideração que em casa cede cerca de 3,6 pontos. O seu adversário Atlético-GO cede em média quase 4 pontos para os laterais e o Bahia precisa da vitória de toda forma, já que não venceu nos últimos 5 jogos.

Egídio (Fluminense) – Egídio tem sido um verdadeiro mito dos desarmes, onde soma 40 até o momento. Por mais que enfrente um jogo teoricamente mais difícil contra o Corinthians, vale destacar que o time paulista cede em média 4,49 pontos para os laterais.

Mayke (Palmeiras) – Com 15 desarmes até o momento, entra como boa opção pelo custo/benefício, já que custa menos de 7 cartoletas e deve manter o SG diante do Sport em casa.

ZAGUEIROS

Júnior Alonso (Atlético-MG) – Sua média em casa é de surpreendentes 8,13 pontos. O RB Bragantino tem uma defesa muito fraca e Júnior Alonso aparece muito bem ofensivamente. Vale destacar também que o zagueiro já possui 20 desarmes no campeonato até então. O RB Bragantino cede em média 4,42 pontos para os zagueiros adversários.

Gustavo Gómez (Palmeiras) – Em casa tem média de 6,5 pontos. Seu adversário Sport cede em média 4,54 pontos para zagueiros e fora de casa não costuma ser muito efetivo no ataque. Palmeiras teve uma efetiva melhora, onde nos últimos 5 jogos não perdeu nenhum.

Igor Rabello (Atlético-MG) – Em 6 jogos, tem média de 5,12 pontos. Em casa, vez apenas 1 jogo e somou 4,2 pontos. O zagueiro é muito bom ofensivamente, onde já possui 1 gol e 1 finalização na trave. Acredito ser boa opção levando em consideração a frágil defesa do RB Bragantino que cede em média 4,42 pontos para zagueiros.

Luan (Palmeiras) – Opção mais barata em relação ao Gustavo Gómez. Por mais que não possua uma boa média, enfrenta o Sport que cede em média quase 5 pontos para os defensores. O Palmeiras tem a segunda melhor defesa do campeonato e deve manter o SG frente ao Sport.

Juninho (Bahia) – O Bahia enfrenta o Atlético-GO em casa e precisa da vitória já que nos últimos jogos não venceu nenhum… O zagueiro tem em média 4,34 pontos jogando em casa e já possui 1 gol e 11 desarmes.

MEIAS

Fernando Sobral (Ceará) – Tem ótima média de quase 5 pontos sem scouts principais. Flamengo deve ir com time reserva e o Ceará precisa se recuperar depois de 2 derrotas seguidas.

Rodriguinho (Bahia) – Vem de 3 boas pontuações mesmo sem gol ou assistência, como por exemplo 6 pontos no último jogo contra o Grêmio. Cobra pênaltis e na estreia de Mano Menezes em casa o Bahia vai com ânimo Renovado contra o Atlético-GO que tomou gol em todos jogos fora de casa.

Nenê (Fluminense) – Pega Corinthians em crise e sem técnico no Maracanã. Costuma ter sorte contra o timão que tomou gol em todos os confrontos do campeonato fora de casa. Além disso, já fez 3 gols e deu 1 assistência no campeonato e cobra todas bolas paradas.

Otero (Corinthians) – Pontua bem sem gol ou assistência dentro ou fora de casa, muito por causa dos seus chutes, são 10 em apenas 2 jogos como titular. Sem gol ou assistência tem média de 4,5 pontos.

Alan Franco (Atlético-MG) – Vem jogando mais adiantado no esquema do Sampaoli e dá resultado, onde já tem 3 gols e chega para finalizar o tempo todo na área adversária. O Atlético-MG enfrenta o RB Bragantino no Mineirão que sofreu gol em todos jogos do campeonato e tem a pior defesa da competição.

ATACANTES

Marinho (Santos) – Caso jogue mesmo é unanimidade, melhor média do jogo com quase 12 por partida, tem 9 participações diretas em 9 jogos e enfrenta o São Paulo que nos últimos 5 jogos só teve SG em 1.

Cano (Vasco) – Apesar de ser clássico acredito que o Vasco seja favorito pela boa fase, o argentino já tem 15 gols no ano e poderia ter feito 2 na quinta se não fosse o gol anulado no finalzinho. Botafogo só teve 1 SG no campeonato e o atacante vascaíno ainda cobra pênaltis.

Sasha (Atlético-MG) – Segundo mais escalado da rodada pois enfrentará a pior defesa do campeonato no Mineirão, o atacante do Galo já tem 2 gols e 1 assistência em apenas 4 jogos como titular.

Marrony (Atlético-MG) – Quando foi titular contra o Ceará no Mineirão mitou com 2 gols, agora com o foco no Sasha pode ter mais espaço e voltar a mitar. Como dito no caso do Sasha pega a pior defesa do brasileiro.

Gilberto (Bahia) – Tem média de 6 pontos nos últimos 3 jogos sem gol ou assistência, vem finalizando muito e participando de todos ataques do Bahia, acredito que vá desencantar contra o Atlético-GO em Salvador já que o Bahia precisa urgentemente voltar a vencer.

TÉCNICOS

Jorge Sampaoli (Atlético-MG) – Acredito ser o jogo chave da rodada. O técnico comanda o Atlético-MG que é um time muito ofensivo e enfrenta o RB Bragantino que tomou gol em todos os jogos.

Mano Menezes (Bahia) – Opção boa e barata. O Bahia precisa voltar a vencer já que não venceu os últimos 5 jogos em que disputou.

Eduardo Barros (Athlético-PR) – Acaba se tornando boa opção pela fragilidade do Coritiba, seu adversário, que contra time maiores não surpreendeu. O Athlético precisa voltar a vencer e nada melhor que um clássico para isso.

Vanderlei Luxemburgo (Palmeiras) – Apesar do preço, acredito que o Palmeiras não terá dificuldades de vencer o Sport em casa, ainda mais levando em consideração que nos últimos 5 jogos não perdeu nenhum.

Odair Hellmann (Fluminense) – Acaba se tornando boa opção pela bagunça que seu adversário, Corinthians, se encontra no momento. Após a saída de Tiago Nunes, o Corinthians enfrenta o Fluminense fora de casa com o técnico interino, com isso, acredito em boa partida do Fluminense.


E é isso, pessoal… até a próxima rodada!

25 anos, pós graduada em Direito, sócio torcedora fanática pelo Cruzeiro e mineira, uai. Comandante do Jehnial FC, defende a ideologia de que lugar de mulher é onde ela quiser, inclusive jogando Cartola! Afirma que sabe muito bem o que é impedimento, ok?