O mercado fecha em:

Bons e Baratos: Cartola Fc 2020, Rodada 8

O Bons e Baratos tem o objetivo, como o próprio nome já diz, de citar opções de jogadores BONS e BARATOS por posição do Cartola FC.

Postado em: 4 de setembro de 2020
Atualização: 5 de setembro de 2020
Tempo de leitura: 3 minutos

Salve, cartoleiros (as) Mix! Pra quem não me conhece, eu sou a Gabi e escrevo para o Cartola Fc Mix há 8 anos. Esse ano serei a responsável pelas Dicas do Cartola Fc no quadro Bons e Baratos.

O QUE É O BONS E BARATOS?

O Bons e Baratos tem o objetivo, como o próprio nome já diz, de citar opções de jogadores BONS e BARATOS por posição. Aqui serão citados 3 jogadores por posição.

Vale lembrar da importância da valorização, onde quanto menos você gastar, mais chances você terá de valorizar!


BONS E BARATOS #8 RODADA


GOLEIROS

João Paulo (Santos) – Ótima opção visando valorização. Infelizmente foi mal na rodada passada e além de tomar 2 gols, não fez nenhuma defesa. O jogador já possui 10 defesas difíceis e deve ter trabalho enfrentando o Ceará fora de casa.

Gabriel Batista (Flamengo) – Opção boa e barata. Visando custo benefício é um ótimo negócio. Acredito em SG do Flamengo contra o Fortaleza.

Tiago Volpi (São Paulo) – Não é tão barato, mas possui 6 defesas difíceis e 1 de pênalti. O São Paulo garantiu SG em 2 jogos e o Fluminense não costuma fazer muitos gols fora de casa.

LATERAIS

Filipe Luís (Flamengo) – Possui um preço bom e deve manter o sg, além disso, costuma ser bastante regular nos desarmes.

Isla (Flamenngo) – Se mostrou com um grande poderio ofensivo. Acredito que seja boa opção jogando em casa contra o Fortaleza.

Fagner (Corinthians) – Tem atuado muito como “ponta” nos jogos, podendo aparecer bem na parte ofensiva. Defensivamente, aparece bem nos desarmes, mesmo sendo um jogador um tanto quanto faltoso.

ZAGUEIROS

Rodrio Caio (Flamengo) – Entra pelo fator SG, tem média razoável de 2 SG’s por jogo e poucos PI e faltas cometidas, se tiver SG deve fazer seus 8-9 pontinhos.

Gil (Corinthians) – Deve ser um dos mais escalados pela rodada pela combinação preço e jogo favorável, custa menos de 5 cartoletas e recebe o Botafogo que só fez 1 golzinho nos últimos 3 jogos. Precisa de 1 ponto para valorizar.

Matheus Jussa (Internacional) – Entra pelo fator SG contra o Bahia, preço (custa apenas 2,32) e ta,mbém por estar como zagueiro no cartola mas ser lateral no Inter, ou seja, chances de atacar ter assistência.

MEIAS

Fernando Sobral (Ceará) – Entra pela regularidade, ótima média de 6,2 com 3 assistências e ótimos 26 DS. Santos costuma ceder muitos pontos para meias.

Boschillia (Internacional) – Alternativa mais barata em relação Galhardo, está jogando mais adiantado tanto que fez gol e deu assistência contra o Botafogo. Além disso, o Bahia tomou 5 do Flamengo e está sem técnico

Éverton Ribeiro (Flamengo) – Ótimo custo/benefício para rodada… Espero que consiga mostrar seu bom futebol assim como fez na rodada passada. Quanto à qualidade, todo mundo sabe que é inquestionável.

ATACANTES

Cano (Vasco) – O CAHP só teve 1 SG no campeonato, além de vir em crise com 5 jogos sem vencer. Vasco em São Januário está invicto no brasileiro com média de quase 2 gols marcados por jogo e Cano é artilheiro do time em 2020 e ainda cobra pênaltis.

Luciano (São Paulo) – Tem participado em todos lances do time no ataque. Contra o Galo teria mitado caso o gol não fosse anulado por 1cm, ainda tem a lei do ex a seu favor.

Jô (Corinthians) – Vem de 3 jogos sem marcar, mas ainda tem boa média de gols no ano, além disso o Botafogo não venceu os últimos 3 jogos e vem em crise.

TÉCNICOS

Domènec Torrent (Flamengo) – Melhor custo benefício da rodada. O técnico não é tão caro e o Flamengo deve vencer o Fortaleza com um placar favorável.

Jair Ventura (Sport) – O Sport pega o Goiás no jogo e vem animado após vencer o Grêmio fora de casa. Acredito em boa atuação em seus domínios.

Fernando Diniz (São Paulo) – Após ser castigado pelo VAR e pela ofensividade do Atlético-MG, Diniz volta ao Morumbi para enfrentar o seu ex time. Acredito que o São Paulo seja superior levando em consideração a fragilidade do Fluminense quando joga fora de casa.

É isso, pessoal! Espero que gostem das dicas e que as mesmas sejam úteis para vocês!

Boa rodada e até a próxima!

24 anos, coração goiano morando em Niterói-RJ. Comando o Schincariol EC e garanto: "eu não tenho culpa de ter cerveja até no sobrenome".

Dicas