O mercado fecha em:
Quero ser sócio

RESUMO DO ATLÉTICO-GO EM 2017

6 de maio de 2017 - Felipe Melo
RESUMO DO ATLÉTICO-GO EM 2017

O Atlético-GO volta a Série A depois de 5 anos. O ano de 2016 foi de muitas alegrias para o torcedor do Dragão Goiano, já que o time conseguiu o acesso sendo campeão da Série B 2016. No entanto, até o momento, o ano de 2017 tem sido decepcionante. Classificado automaticamente para as Oitavas de Final da Copa do Brasil, o Atlético-GO só disputou partidas válidas pelo Campeonato Goiano. Apesar de ter sido eliminado nas semifinais, o time teve um aproveitamento de apenas 47,9%. Além disso, dos 4 clássicos que disputou contra o Goiás – provavelmente o adversário mais difícil do campeonato -, o time perdeu 3 e empatou 1.

Essa campanha desastrosa acendeu o sinal de alerta e resultou numa reformulação do elenco antes do Brasileirão. O time mandou mais de 10 jogadores embora e já contratou mais de 5. Assim, fica difícil fazer uma projeção do desempenho do Atlético-GO no Brasileirão. Muitos acreditam que o time será um dos sacos de pancadas, porém, ainda é cedo para saber se algum dos reforços será capaz de fazer a diferença. Vale destacar que um desses reforços é o atacante Walter, que ainda não estreou, mas todos sabem do seu potencial.

O Atlético-GO vai disputar o último confronto da 01ª RODADA, no dia 15 de Maio, contra o Coritiba, no Couto Pereira.

Segue abaixo o desempenho do Atlético-GO em jogos oficiais em 2017 até a data de hoje (06/05):

Desempenho nos campeonatos:
Campeonato Goiano: eliminado na semifinal
Copa do Brasil: Disputado as Oitavas de final

16 jogos: 6 vitórias, 5 empates e 5 derrotas
Gols marcados: 21
Gols sofridos: 15
Jogos sem marcar gol: 4
Jogos com SG (sem sofrer gol): 7

HOMENS DAS BOLAS PARADAS

Everaldo (atacante)

ARTILHEIROS EM 2017

Junior Viçosa (atacante) – 6 gols
Jorginho (meia) – 5 gols
João Pedro (atacante) – 4 gols
Alípio (meia) – 2 gols
Wanderson (lateral) – 1
Roger Carvalho (zagueiro) – 1
João Vitor (atacante) – 1

GARÇONS EM 2017 (ASSISTÊNCIAS)

João Pedro (atacante) e Willians (meia) – 2
Viçosa (atacante), Luiz Fernando (meia), Negueba (atacante), Wanderson (lateral), João Filipe (volante), Roger Carvalho (zagueiro), Daniel Borges (lateral), Bruno Pacheco (lateral) e Jorginho (meia) – 1

*Curiosidade: nenhum jogador do Atlético-GO deu assistência em 2 ou mais jogos na temporada. Em todo jogo, a assistência é de um novo jogador. Ao todo, 11 jogadores já deram assistências. João Pedro e Willians lideram o ranking, com 2 assistências cada um, ambas no mesmo jogo. Talvez esse dado comprove que está faltando padrão de jogo ao time.

OS MELHORES JOGADORES DO ATLÉTICO-GO PARA SE ESCALAR NO CARTOLA FC

Junior Viçosa (atacante): lembra dele?! Tem sido o jogador mais decisivo em campo. O atacante, que foi o artilheiro da equipe na Série B 2016 com 10 gols, vem chamando a responsabilidade e já balançou as redes 6 vezes. No entanto, seu contrato vence em Julho e sua situação segue indefinida.

Jorginho (meia): outro jogador que participou da campanha do título da Série B em 2016, marcando 5 gols em 30 jogos. Este ano, se destacou bastante nas primeiras rodadas do campeonato Goiano, mas depois seu faro de artilheiro diminuiu. Mesmo assim, ele costuma finalizar e, sem dúvidas, pode ser uma boa opção em algumas rodadas. Em 14 jogos, marcou 5 gols e deu uma assistência.

João Pedro (atacante): é bom ficar de olho no jovem João Pedro, um dos destaques da Copa São Paulo. No seu primeiro jogo como titular, na 10ª rodada, o atacante marcou 03 gols. Hat-trick! É mole?! Mesmo jogando poucas partidas, ele já possui 4 gols e 2 assistências. Pode ser uma boa aposta em algumas rodadas do Brasileirão.

Walter (atacante): ainda não estreou pelo Atlético-GO, mas todos sabem do que ele é capaz. Se tiver afim de jogar bola, Walter tem potencial para carregar o time do Atlético-GO nas costas.

Felipe Melo

Um dos idealizadores do CartolaFC Mix. Soteropolitano, angolano, brasileiro. Louco por futebol e sempre de bom humor, afinal, um dia sem rir é um dia perdido. No cartola, comanda o Oloko Mito.

Dicas